Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser!
Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Práticas Musicais no Pará
Início do conteúdo da página

Práticas Musicais no Pará

Acessos: 291

O projeto “Práticas musicais no Pará” é uma proposta contínua que abriga vários subprojetos e ações desenvolvidas no âmbito dos cursos de Licenciatura em Música e do Programa de Pós-Graduação em Artes da UFPA. É filiado ao Grupo de Estudos sobre a Música no Pará (GEMPA), linha de pesquisa – práticas musicais e, ao Laboratório de Etnomusicologia da UFPA. Lançando mão do instrumental teórico oferecido pela etnomusicologia e pelos estudos culturais investigamos as diversas práticas musicais existentes no Estado. Prática musical é tratada aqui como:

um processo de significado social, capaz de gerar estruturas que vão além de seus aspectos meramente sonoros, embora estes também tenham um papel importante na sua constituição (...). A execução, com seus diferentes elementos (participantes, interpretação, comunicação corporal, elementos acústicos, texto e significados diversos) seria uma maneira de viver experiências no grupo. Assim, suas origens principais têm uma raiz social dada dentro das forças em ação dentro do grupo, mais do que criadas no próprio âmago da atividade musical. Isto é, a sociedade como um todo é que definirá o que é música. A definição do que é música toma um caráter especialmente ideológico. A música será então um equilíbrio entre um "campo" de possibilidades dadas socialmente e uma ação individual, ou subjetiva (CHADA, 2007, p. 13).

 Principais objetivos:

1 - Investigar as práticas musicais existentes no Pará, sob a luz da etnomusicologia. Paralelamente, outras questões poderão ser elucidadas: como é gerado o repertório musical? Como é transmitido o corpo de conhecimentos pertinentes a essa música? Como ela se desenvolve? Como se relacionam com outros aspectos da cultura? Como se relacionam os seus músicos com aqueles de outras áreas musicais? Como são percebidos pelos outros; o que os diferenciam? Qual a função da música?

2 - Fornecer informação bibibliográfica criteriosa aos estudos musicais paraenses, ampliando o conhecimento sobre essa produção e, assim, corrigindo possíveis distorções existentes nas fontes primárias.

3 - Captar e registrar aspectos do saber musical contido nas diversas práticas musicais existentes no Estado paraense.

4 - Registrar expressões verbais usadas pelos músicos e demais agentes sociais que perfazem os contextos dessas práticas sobre sua própria música.

5 - Incorporar informação sobre as instituições que apóiam e articulam a vida musical no Pará.

6 - Contribuir para o desenvolvimento de estudos sobre a cultura musical paraense e também para os estudos da continuidade e mudança musical, aqui, portanto, uma contribuição teórica de grande abrangência.

7 - Gerar um banco de dados com informações sobre as práticas musicais pesquisadas e sobre os mestres a elas relacionados.

Coordenação: Sonia Chada

Fim do conteúdo da página